segunda-feira, 3 de maio de 2010

COMBATER A LER - 25 de Abril Sempre

Na semana de 26 a 30 de Abril, a BE convidou os profs de História do 2º e 3º ciclos a leccionar uma aula neste local, cujo tema era o 25 de Abril. Os profs seleccionaram os anos de escolaridade, tendo optado pelos 6º e 9º anos para esta actividade.
A actividade tinha como objectivo informar, formar e despertar o espírito crítico dos alunos para que o 25 de Abril seja um estandarte e esteja sempre presente no espírito de todos e não se corra o risco de voltar a cair numa ditadura.
Assim,tiveram uma aula de História na biblioteca, utilizando os materiais aí colocados à disposição: uma colecção de cartazes da época, uma exposição de trabalhos feitos pelos alunos, alguns jornais e outros materiais antigos (uma licença de porte de isqueiro, por exemplo) a relembrar a data, o acervo de livros da BECRE subordinados ao tema : “História de uma Flor” de Matilde Rosa Araújo, “25 de Abril” de Ana Maria Magalhães e Isabel Alçada, “25 olhares de Abril” de Carlos Garrido, “Viagem à Flor de um Mês” de José Jorge Letria, “A Revolução das Letras” de Virgílio Alberto Vieira, “Capitães de Abril” de José Jorge Letria e a Colecção Caminho de Abril para os jovens com obras de Carlos Brito, Manuel Alegre, Alice Vieira, Sebastião Salgado, Maria Isabel Barreno, Mia Couto, e outros que ainda foram chegando. Também foram apresentados alguns vídeos que clarificaram a data histórica junto dos alunos, como “A Rendição do Quartel do Carmo”, poesias e canções de intervenção.
Começando com uma breve explanação do tema pela PB, professora Teresa Castelo Branco, os diferentes professores de História apropriaram-se do assunto e utilizaram os materiais à sua disposição conforme lhes aprouve. À venda esteve “A Guerra dos Cartazes” de Gualberto Freitas, uma compilação de cartazes da época, a história da criação dos diferentes partidos políticos e as regras de afixação dos cartazes.
Havia ainda três “tropas” na biblioteca que faziam guarda de honra a todo o material em exibição. Que as histórias que os alunos ouviram contar lhes fiquem a ecoar no coração e o 25 de Abril continue a manter bem vivo o espírito de liberdade reconquistado pelo povo português há 36 anos!

Sem comentários:

Publicar um comentário